A importância do sono



Assim como a alimentação e a atividade física, o sono é essencial, sendo um dos pilares para uma vida com mais saúde. Apesar disso, dormir aproximadamente 8 horas por noite parece até algo anormal para muitas pessoas, pois isso significa passar 1/3 da vida dormindo. A sociedade atual, acometida por tantas doenças físicas e psicológicas mostra que algo não vai bem e muitos de todos esses distúrbios estão relacionados exatamente a crença de que dormir é perda de tempo. É no sono que nosso organismo se recupera de muitos dos estragos e excessos que cometemos durante o dia, além de executar suas tarefas rotineiras.


Dormir




Pessoas diferentes, necessidades diferentes

Após uma boa noite de sono, acordamos muito mais dispostos do que em uma noite na qual a qualidade do sono foi ruim ou a quantidade de horas insuficiente.

Há pessoas que após 6 ou 7 horas de sono conseguem acordar dispostos enquanto outros necessitam de 8 ou 9 horas de sono para alcançarem um nível semelhante de disposição. Não há certo ou errado nesse caso, pois cada organismo reage de uma forma. Por isso, é muito importante você perceber se tem realmente descansado a quantidade de horas que o seu corpo necessita - e não o que a sociedade convencionou como correto.

Lembre-se sempre: dormir não é perda de tempo. Dormir resulta em mais saúde e disposição. Aliás, de que adianta dormir apenas 4 ou 5 horas por noite se o cansaço é uma companhia constante durante as atividades diárias? Descartar as atividades não necessárias e utilizar esse período de tempo para dormir pode ser uma boa e sábia atitude.


Enquanto você dorme, seu corpo trabalha

São muitos os processos de restauração realizados durante o sono, dos quais citarei alguns:

1) Consolidação na memória do aprendizado e dos eventos que ocorreram durante o dia.

2) Liberação do hormônio do crescimento para os adultos, hormônio que auxilia na redução da fragilidade dos ossos, da flacidez e da gordura corporal, além de aumentar a motivação e a disposição física.

3) Liberação do cortisol no horário correto (de manhã) para fazer a pessoa despertar. Com a privação do sono, esse hormônio tem o seu ritmo de liberação alterado, o que pode causar efeitos semelhantes aos ocasionados pelo estresse como a ansiedade.

4) Liberação do hormônio TSH (hormônio estimulante da tireoide), que é essencial para o correto funcionamento dessa glândula.

5) Liberação de grande quantidade do hormônio leptina, que atua no aumento do gasto energético, no controle do apetite e no metabolismo das gorduras e da glicose.

6) Liberação de interleucinas, proteínas naturais que atuam na ativação dos linfócitos (células de defesa do organismo).

Diante das importantes atividades acima, percebe-se que o sono reparador e sem interrupções é essencial para a manutenção da saúde. Aliás, sem ele, vários processos são prejudicados ocasionando problemas como obesidade, cansaço, envelhecimento precoce, hipertensão, diabetes, queda no sistema imunológico entre outros.


Conclusão

Dormir bem é essencial para a saúde e também para que a vida seja vivida de forma plena, com mais disposição, motivação e ânimo.

Felizmente a ideia equivocada de que dormir é perda de tempo parece estar começando a ser mais questionada.

Muitas vezes a privação de sono está relacionada com a grande quantidade de horas trabalhadas e/ou no trajeto para que seja possível a compra de mais bens materiais. Mas será que isso vale realmente a pena ou é apenas uma ilusão diariamente oferecida para a sociedade de consumo na qual vivemos?

Por que será que viver com o suficiente - ou algo próximo disso - é considerado muito pouco para muitas pessoas?

Encerro esse post com uma reflexão de Dalai Lama:
“O homem sacrifica sua saúde, a fim de ganhar dinheiro. Em seguida, sacrifica o dinheiro para recuperar sua saúde. E então está tão ansioso sobre o futuro que não desfruta o presente; o resultado é que não vive nem no presente nem no futuro. Vive como se nunca fosse morrer. E depois morre sem nunca ter realmente vivido.”

Para saber mais sobre a importância do sono, veja esse artigo no site FundaSono

Créditos da imagem: Stuart Miles - Free Digital Photos


A importância do sono A importância do sono Reviewed by Simplicidade e Harmonia on outubro 01, 2019 Rating: 5

29 comentários:

  1. Muito bom e como precisamos de bom sono! O meu anda muito prejudicado! beijos, lindo OUTUBRO! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. chica,

      Com a correria da vida moderna, acredito que uma das primeiras coisas a serem prejudicadas é o sono. Mas sempre há tempo para mudar, não é?

      Bom saber que gostou do meu post. :)

      Boa semana!

      Excluir
  2. Perfeito Rosana!

    Eu preciso trabalhar para melhorar meu sono. Depois de anos ignorando, há um tempo pago a conta com algumas noites com muita dificuldade para dormir. Resultado de esticar uso de computador, celular, tv...

    Dias desse até cogitei suplementar a melatonina (hormônio do sono)

    E sabia que o sono é muito mais vital do que a alimentação para nós?

    Boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Investidor Inglês,

      "E sabia que o sono é muito mais vital do que a alimentação para nós?"
      Bom saber. Eu sabia que era importante, mas não tanto assim.

      Computador, celular e tv emitem luz azul. Essa luz suprime a liberação de melatonina. O ideal é não utilizar eletrônicos antes de dormir. Se não me engano, o ideal são 2 horas antes.

      Com a mudança de alguns hábitos, acredito que a suplementação de melatonina seja desnecessária. Além disso, esse ramo de suplementação - de forma ampla - acabou tornando-se um grande comércio, por isso é preciso muita cautela e verificar se a suplementação é realmente necessária, pois se o seu organismo não precisar, pode acabar sobrecarregando órgãos como os rins e o fígado.

      Boa semana!

      Excluir
  3. Tenho dormido apenas 5:30hs por noite já faz muito tempo, ando meio estragado e com falta de atenção. Só pode ser isso!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tirano,

      O sono é muito importante e para a maioria das pessoas, dormir apenas 5:30 horas por dia não é o suficiente. Além disso, há também a questão da qualidade do sono. Se for ininterrupto, ainda há alguma restauração dos "sistemas", mas se não for, as coisas vão se complicando. Vejo a saúde de forma semelhante ao cartão de crédito: eu posso exagerar nas compras hoje, mas um dia a fatura chega...

      Agradeço por seu comentário. Espero que goste do conteúdo do meu blog. :)

      Excluir
  4. Preocupações tiram o sono de qualquer um. É fundamental não levar preocupações para cama, mas dependendo do momento em que a pessoa estiver vivendo as preocupações podem virar companhia, o que é péssimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Gostei do ponto que você citou: preocupações. Sem dúvida, ela é nossa companheira em alguns (ou em vários) momentos da vida.

      Não sei se você sabe, mas o Brasil ocupa o primeiro lugar de país com mais casos de ansiedade do mundo segundo levantamento recente da OMS. São 18,6 milhões de pessoas que sofrem com esse transtorno totalmente relacionado à preocupação.

      Eu penso que o contexto do país sempre foi muito favorável para que isso se tornasse realidade de forma tão ampla. De qualquer maneira, viver um dia de cada vez e tentar técnicas de relaxamento talvez sejam boas alternativas para lidar de uma forma menos prejudicial com tudo isso. Esse é um tema que está na minha lista de ideias para um futuro post.

      Boa semana,

      Excluir
    2. São muitas as situações que podem tirar nossa tranquilidade e equilíbrio.
      Problemas no trabalho, falta de emprego, problemas financeiros, problemas de relacionamentos com namorada (o), conjuge, filhos, amigos ou mesmo a solidão ou falta de relaionamentos de qualidade.
      Problemas de saúde, decepções das mais diversas, ser vítima de fofocas ou calúnias, auto crítica muito pesada, julgar e punir-se demais, expectativas sobre o futuro, remorsos sobre o passado e ais recentemente as comparações com outras pessoas e outros estilos de vida reforçadas pela popularização das redes sociais.

      Quando algum ou vários desses fatores se unem e a pessoa começa e ser tomada por preocupações e/ou arrependientos uma das primeiras coisas prejudicadas é o sono, gerando um efeito dominó de cansaço e stress.

      Excluir
    3. Anônimo,

      E sair do círculo vicioso do cansaço e estresse não é algo fácil - por isso os casos de ansiedade só aumentam.

      No mundo atual acho que é bem difícil viver sem preocupações, mas o que podemos tentar fazer é gerenciar tudo isso da melhor forma possível para que a saúde não seja tão prejudicada.

      Boa semana,

      Excluir
  5. Nem sempre é possível dormir o que queremos, por vezes temos tempo mas não temos sono, noutras ocasiões, temos sono mas não temos tempo...

    Bj
    😉
    Olhar D'Ouro - bLoG
    Olhar D'Ouro - fAcEbOOk
    Olhar D'Ouro – yOutUbE * Visitem & subscrevam

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "por vezes temos tempo mas não temos sono, noutras ocasiões, temos sono mas não temos tempo..."
      Exatamente, Rui. Com tantas demandas e preocupações atuais, as situações por você descritas são cada vez mais comuns...

      Boa semana,

      Excluir
  6. O bom sono, restaurador, é essencial para uma sadia qualidade de vida.

    Os benefícios do sono foram muito bem descritos no artigo. É como se fôssemos recarregar a bateria durante o período noturno, renovando nosso corpo e nossa mente para o dia seguinte.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guilherme,

      E sem essa renovação tão importante, o corpo acaba não aguentando.

      Um bom final de semana!

      Excluir
  7. só faltou mencionar as drogas (melatonina, 5-HTP etc)
    ótimo post

    abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. p.s.: https://br.iherb.com/search?kw=melatonina

      Excluir
    2. Scant,

      Acredito que quanto mais natural for a chegada do sono, melhor. Medicamentos para isso, vejo como úteis somente em último caso, já que o corpo é capaz de produzir melatonina quando está em condições normais.
      Bom saber que gostou do meu post. :)

      Um bom final de semana!

      Excluir
    3. nunca confie em algo que um dia vai te matar kkkk

      bom final de semana!

      Excluir
  8. Conteúdo excelente,

    Realmente o sono é fundamental para a saúde de qualquer indivíduo.

    No mundo da musculação temos a tríade Dieta, Treino e Descanso (sono). Muitos não entendem porque não tem resultados mesmo fazendo exercícios e comendo bem, porém não dão a devida atenção no descanso.

    Quanto a mensagem do Dalai Lama é simplesmente fantástica. As pessoas precisam entender que tudo é uma troca.

    Para ganhar dinheiro trocamos parte da vida;
    Para consumir produtos trocamos pelo dinheiro;
    Para conseguir mais dinheiro temos que trocar mais vida. E o ciclo se repete.

    Ou seja quanto mais consumimos mais desperdiçamos nossas vidas.

    Abraços,
    Maromba Investidor
    https://marombainvestidor.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maromba Investidor,

      Interessante o que falou sobre a relação entre musculação e sono. Felizmente estamos chegando em uma época na qual as pessoas começam a questionar-se se sono realmente é perda de tempo.

      "Ou seja quanto mais consumimos mais desperdiçamos nossas vidas."
      Simplesmente perfeito! Já anotei as últimas 4 frases, pois vou desenvolver um post inspirado nesse trecho.

      Agradeço pelo comentário, espero que goste do conteúdo do meu blog. :)

      Excluir
  9. Oi, Rosana. Nunca me considerei uma grande dorminhoca, mas sempre senti a necessidade de dormir ao redor de 8h por noite. Agora tenho um filho de 1 ano, que ainda não dorme a noite toda, e consigo perceber a importância do sono nas nossas vidas. Como vc bem falou no post, o sono (ou a falta dele) traz consequências para todos os aspectos da nossa vida. Precisamos dar valor a isso. Se tiver interesse, fiz um post no meu blog relacionando a questão do sono com a saúde mental na maternidade.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcella,

      Muitas vezes as pessoas sentem o mesmo que você, porém quem tem coragem de assumir esse fato em uma sociedade na qual dormir ainda é considerado perda de tempo? São em momentos como o seu caso (filho pequeno) e doenças que percebemos ainda mais a importância do sono.

      Muitas vezes não percebemos quais consequências negativas a privação de sono podem causar, porém, elas sempre existirão e acabam se acumulando durante a vida.

      Agradeço pelo comentário, espero que goste do conteúdo do meu blog. Vou acompanhar o seu também.

      Abraços,

      Excluir
    2. Pois é, Rosana.

      A sociedade hoje prega esse excesso de "produtividade" que acaba afetando o sono. As pessoas acham que precisam dormir mais tarde e acordar mais cedo para aproveitar mais o dia e dar conta de tudo. Na realidade, o que precisamos é priorizar e tirar o que não é importante da nossa vida. Enfim... Encontrei seu blog através do blog da Yuka. Estou adorando os posts e com certeza vou acompanhar daqui para a frente. Bjos

      Excluir
    3. Marcella,

      Priorizar o que importa: agindo assim, não há necessidade de tanta correria.
      O blog da Yuka é sensacional! Bom saber que através dela conheceu o meu e que está gostando dos meus posts também. :)

      Boa semana!

      Excluir
  10. Você pode brigar com o mundo menos com a tua cama, o sono é o fator principal para ter uma boa qualidade de vida, tendo um bom sono você terá saúde física, emocional. abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em poucas palavras você disse tudo, o caminho para o topo...
      Gostei do seu blog, já está em meu blogroll.
      Agradeço pela visita. :)

      Excluir
  11. Um post super útil, que me vem lembrar que preciso reorganizar as minhas horas de sono...
    2019 foi um ano altamente stressante, devido a um sem fim de problemas respiratórios da minha mãe... tendo ela mudado de medicação, e sofrendo de arritmia, fibrilhação, apneia do sono passei alguns meses com umas noites em modo de alerta, zelando se estaria a respirar bem, sob o efeito da medicação nova... depois, essa fase passou, pois a medicação estava bem calibrada... mas a partir daí, não mais consegui dormir muitas horas seguidas... e sendo às vezes, passar um tempo fora de horas, na Net... um escape... e uma forma de esperar que o sono chegue... mas aos poucos... estou retomando pouco a pouco mais horas de sono...
    Mais uma excelente postagem!... Gostei imenso!
    Beijinhos! Noutro dia, passarei em seu outro espaço!...
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana,

      Bom saber que sua mãe agora está bem, apesar de tantos contratempos e problemas de saúde que sofreu no ano passado.

      Em situações assim, impossível mesmo manter a quantidade e a qualidade do sono, mas como o corpo sempre tende à homeostase, felizmente conseguimos voltar à normalidade, mesmo que isso ocorra de forma lenta.

      Um bom final de semana!

      Excluir



Tecnologia do Blogger.